segunda-feira, 16 de abril de 2012

Teia


Uma teia pode ser tecida de modo a que seja fácil desembaraçarmo-nos da mesma, mas também pode ser tecida de tal forma que nos prende para sempre e quanto mais nos debatemos para tentar fugir da mesma, mais nos embrenhamos nela. Tantas vezes pensamos estarmos a tecer uma teia para prender alguém, mas depois somos nós próprios que acabamos por ser vítimas da mesma, pelo que quem tece fá-lo com um propósito, o qual, nem sempre acaba por ser o desejado. Dir-se-ia que uma teia tem muita ciência, contudo creio que uma vez que a começamos a tecer a mesma ganha vida própria podendo corresponder ou não ao nosso desejo, como voltar-se contra nós. Uma coisa é certa, as teias são perigosas, as teias são manhosas e tudo pode advir das mesmas e tantas vezes julgamos não estar a tecer nenhuma quando o fazemos, para depois cairmos na mesma sem possibilidade de conseguir sair.

2 comentários:

GATA disse...

O meu destino chama-se Carlota e o 'fdp' não pára de tecer teias enredadas sobre mim...

A Minha Essência disse...

E aí, é tão frustrante... :s